Curiosidades - Entretenimento - Vídeos

A correia transportadora mais longa do mundo - Saara Ocidental

Empregada em quase todos os tipos de indústrias, as correias ou esteiras transportadoras fazem um excelente trabalho na movimentação de cargas e materiais de um lugar para outro. No setor de mineração, são particularmente úteis porque permitem transportar minérios em terrenos acidentados ou em áreas de difícil acesso, e oferecem uma maneira eficaz e confiável de se mover um fluxo constante de material que de outra forma teriam de ser transportado de um local para o outro. Os altos níveis de produtividade e baixos custos operacionais envolvidos levaram a uma adoção generalizada de sistemas de transporte por esteiras. E porque as minas estão normalmente localizadas em áreas remotas, estas esteiras transportadoras se estendem por dezenas de quilômetros. Na verdade, a indústria de mineração possui algumas das mais longas esteiras transportadoras do mundo, projetadas para o transporte de minérios das minas para as refinarias ou portos ou centros de estoques.

A esteira transportadora mais longa do mundo está localizada no Saara Ocidental. Ela possui 98 km de extensão e transporta rochas fosfáticas das minas de Bou Craa ao porto da cidade de El-Aaiun. A partir daí, navios de carga transportam os fosfatos para vários países, onde são utilizados na produção de fertilizantes. A cinta é visível como uma linha reta em fotos de satélite, e em alguns lugares facilmente reconhecível por uma faixa branca de fosfatos que jazem espalhados pelo deserto marrom empoeirado pela ação dos ventos fortes do Saara. Esta esteira transportadora que liga Bou Craa com Aaiún, pode transportar 2000 toneladas de rocha por hora.


Esta correia no estado de Meghalaya, na Índia, tem cerca de 17 km de extensão e transporta calcário e xisto a 960 toneladas/hora, a partir de uma pedreira para uma fábrica de cimento em Bangladesh.

0 comentários:

Postagem em destaque

Mulher espanta crocodilo batendo chinelo na Austrália

Postagens Recentes

Curta nossa página

Siga nossa página no Google